Qual é a igreja de Jesus?

  • A igreja de Jesus tem que ser fundada pelo próprio Jesus Cristo (a pedra angular) e Jesus fundamentou sua igreja sobre os apóstolos que ELE ESCOLHEU, ou seja, os que estão citados no evangelho. Efésios 2,20-21 “Edificados sobre o fundamento dos APÓSTOLOS e profetas, tendo por pedra angular o próprio Cristo Jesus. É nele que todo edifício, se levanta até formar um templo santo no Senhor”. Como diz a palavra é nele que a igreja se edifica, não sobre outros homens ou sobre os que se dizem apóstolos e não o são.

    Mateus 16,18 “Por isso, eu te digo: tu és Pedro, e sobre esta pedra construirei a minha igreja, e as portas da morte não poderão vencê-la”. Jesus, a pedra angular, escolheu Pedro para apascentar seu rebanho como mostra também em João 21,15-17. Se o Cristo chamou os apóstolos para formar sua igreja esta tem que ser APOSTÓLICA, OU SEJA, FUNDADA PELOS APÓSTOLOS e não por outros homens, pois na bíblia não há nenhuma profecia que legitima que virá uma reforma benigna para a igreja. Pelo contrário, TODAS AS VEZES que a bíblia fala de líderes que surgirão para mudar ou reformar qualquer coisa, deixa claro que a intenção será de extraviar o rebanho de Deus.

    Atos 20,29-30 “Porque eu sei isto: Que, depois da minha partida, entrarão no meio de vós lobos cruéis, que não pouparão o rebanho. E que dentre vós mesmos, se levantarão homens que falarão coisas perversas, para atraírem os discípulos após si”. A reforma protestante feita por Lutero (Alemanha) e Henrique VIII (Inglaterra) não tem base bíblica como algo benigno, pois todas as igrejas protestantes de dispersaram dividindo-se em placas. Se a obra for DISPERSA não vem de Deus como diz Gamaliel em Atos 5,37-38.

    A igreja de Jesus não pode ser dividida por denominações de diferentes ideologias como as protestantes, pois a igreja de Deus deve ser UM SÓ CORPO (Ef 4,4). A peregrinação dos apóstolos para formar a igreja de Deus está descrita no livro de Atos e mostra que o próprio Deus indicou o local para formar sua igreja em Atos 23,11 “E, na noite seguinte, apresentando-se-lhe o SENHOR, disse: Paulo, tem ânimo! Porque, como de mim testificaste em Jerusalém, assim importa que testifiques também em ROMA” e o livro de Atos só termina quando se chega ao destino que Deus quer para formar sua igreja em Roma (romana) (Atos 28,14-31). E em At 28,30 mostra que Paulo PREGOU LIVREMENTE EM ROMA.

    Muitos comentam que a igreja católica foi fundada por Constantino (ano 306), mas já existira 29 papas até o ano 306. Sendo assim, pra quem foi a carta aos Romanos? Alguns dizem que a igreja de Romanos foi aniquilada, mas o evangelho diz que não. Se a obra é de Deus não pode ser aniquilada At 5,39: “Se vem de Deus, não conseguireis destruí-los”. Então a igreja de Romanos que estava no evangelho está viva até hoje. A maior prova que a igreja de Romanos é a mesma Católica de hoje é que tem várias citações provando AS LOCALIDADES QUE FAZIAM PARTE DO IMPÉRIO. Roma – Centro do Império (Rm 15,24 e 28), Ilírico (Rm 15,19), Macedônia e Acáia (Rm 15,26), Cencréria (Rm 16,1).

    O papado de Pedro em Roma tem evidências também na sua primeira epístola. 1Pe 5,13: “A IGREJA QUE ESTÁ EM BABILÔNIA, ELEITA COMO VÓS, VOS SAÚDA, como também Marcos, meu filho”. E alguns ainda dizem que Pedro nunca esteve em Roma, indo contra as escrituras. Do mesmo modo que a Igreja ensina que Jesus escolhe o papa para apascentar o rebanho e o papa exorta os outros bispos para apascentar as ovelhas, acontece nas Escrituras.

    Quando Jesus pede a Pedro para apascentar o rebanho: Jo 21,15-17: “Apascenta minhas ovelhas”. E quando Pedro, sendo papa, exorta os outros anciãos. 1Pe 5,1: “Eis a exortação que dirijo aos anciãos que estão entre vós; porque sou ancião como eles”. Santo Agostinho, um dos teólogos mais citados, mostra que São Lino sucedeu Pedro como papa. (epíst. – 23). A epístola de Pedro foi escrita pelo punho de Silvano? (1Pe 5,12) Pois Silvano era secretário em Roma. Paulo quando escrevia de Roma também citava Silvano como seu colaborador (1Ts 1,1).

    O evangelho mostra bem que tanto Pedro como Paulo iniciam a igreja através dos pagãos. 1Pe 2,10a “Vós que outrora não éreis seu povo, mas agora sois povo de Deus”. Como podemos ver, o espírito de Deus falou com Paulo sobre Roma no livro de Atos; qualquer outra obra que tire as pessoas desse rebanho causando facções ou divisões não vem de Deus, e sim da carne (Gálatas 5,19-20).

    As facções e as discórdias aconteceram após a reforma luterana dividindo as congregações em facções (placas denominacionais); Mt 12,25: “TODO REINO INTERNAMENTE DIVIDIDO FICARÁ DESTRUÍDO”. Por isso as igrejas protestantes se dividem em placas, as tradicionais se dividem em pentecostais, estas em neopentecostais, e assim se ESPALHAM em divisões. Mt 12,30: “Quem não está comigo é contra mim; QUEM NÃO RECOLHE COMIGO, ESPALHA”. Se for dividido da igreja fundada por Cristo não faz mais parte da videira, pois foi plantada por homens, cada placa com sua teologia diferente.

    A obra de Jesus é tão perfeita que até a hóstia consagrada está na Bíblia. 1Co 10,16-17: “O cálice de benção que abençoamos, não é comunhão com o sangue de Cristo? O PÃO QUE PARTIMOS, não é comunhão com o corpo de Cristo? JÁ QUE HÁ UM ÚNICO PÃO, nós, embora muitos, somos um só corpo, visto que todos PARTICIPAMOS DESSE ÚNICO PÃO“. O pão único mostra que outras formas de rituais de ceia não se referem a um só corpo, pois não gera comunhão com os santos de todo o mundo, mas só com os da congregação ou da nação. O próprio evangelho alerta contra a falta de comunhão. Jo 11,52: “E não só pela nação, MAS TAMBÉM PARA CONGREGAR NA UNIDADE TODOS OS FILHOS DE DEUS DISPERSOS“.

    Mateus 15,13: “Toda planta que não foi plantada pelo meu Pai Celeste será arrancada”. Cabe a nós cristãos incentivar a conversão; não existe cristianismo sem santidade e caridade. Muitos se dizem católicos porque vão à missa aos domingos, mas imitemos os exemplos dos santos que seguiram a caridade e a santidade. Eles foram nosso grande exemplo de sacerdócio real como Santa Rita de Cássia, Santo Antônio de Pádua e São Francisco de Assis, que buscou a perfeição segundo Cristo. Mateus 19,21: “Disse-lhe Jesus: Se queres ser perfeito, vai, vende tudo o que tens e dá-o aos pobres, e terás um tesouro no céu; e vem, e segue-me”. A grande obra de Deus não é nos templos e sim servir os pobres de Cristo. Como dizia São Francisco: “SERVITE PAUPERES CHRISTI”.

    Amém

    Paulo Leitão De Gregorio

Mais link deste tópico

1ª Carta aos Tessalonicensses

7 erros sobre morte, inferno e demônio que não devemos cometer

8 mentiras sobre Deus que os católicos devem conhecer e rebater

A autoridade da Bíblia

A eucaristia e o mistério da hóstia

A Fé em Deus

A feitiçaria “pentecostal” nos terreiros protestantes

A imagem caiu e daí?

A interseção dos santos segundo o evangelho

A oração pelos mortos e o purgatório segundo a Bíblia

A prostituta do Apocalipse pelas Escrituras

A relação entre São José e José do Genesis e a relação entre santa Maria e a nação Israel

A reza repetida e a invocação dos santos.

A Santíssima Trindade evidenciada na Bíblia

Anotações Diversas

Apostasia, Heresia e cisma

As aparições e assunção de Nossa Senhora segundo o evangelho

As bodas da Caná – A Esposa e o Cordeiro

Ateismo Denominacional

Autoridade Apostólica

Baphomet Protestante

Carregar a Cruz

Charles Spurgeon X Claudio Campos

Confissão, sucessão apostólica e tradição

Cruz invertida e o Jesus Zé Ruela protestante

Defendendo Nossa Senhora

Dom de Línguas segundo as escrituras e a Tradição.

E a Salvação veio para todos

Eclesiologia protestante

Esculturas de santos são agradáveis a Deus

Fora da Igreja Católica ninguém se salva

Historia da igreja católica - Parte I

Historia da igreja católica - Parte II

Historia da igreja católica - Parte III

Historia da igreja católica - Parte IV

Historia da Igreja Católica - Parte IX

Historia da Igreja Católica - Parte V

Historia da Igreja Católica - Parte VI

Historia da Igreja Católica - Parte VII

Historia da Igreja Católica - Parte VIII

Historia da Igreja Católica - Parte X

Historia da Igreja Católica - Parte XI

Historia da Igreja Católica - Parte XII

Historia da Igreja Católica - Parte XIII

Historia da Igreja Católica - Parte XIV

Ir alem do que foi escrito

Jesus e os apóstolos usavam as escrituras católicas

Levantar a mão não é conversão

Lutero tinha razão

Manobras protestantes para se auto denominarem Igreja

Na Idade Média os padres não permitiam que as pessoas comuns lessem a Bíblia

Nem tudo está escrito

Novo Testamento = Vida eterna / Velho Testamento = morte

O batismo de crianças no evangelho

O Caminho, a Verdade e Vida.

O celibato sacerdotal

O Novo Testamento também tem uma arca

O OBELISCO

O papado de São Pedro na Bíblia

O poder das Chaves

Objetos Sagrados X Protestantismo

Os Cristãos celebram o Domingo

Os maiores mentirosos da história

Palestra de Paulo Leitão no Canidezinho 1

Palestra de Paulo Leitão no Canidezinho 2

Palestra de Paulo Leitão no Canidezinho 3

Paulo Leitão em defesa da Fé

Por que os católicos celebram missa de 7º dia?

Predestinação

Protestantismo X Igreja

Qual é a igreja de Jesus?

Quaresma

Quem eram os fariseus, os saduceus, os essênios e os zelotes?

Santa Maria: Mãe de Deus e casta

Santo Irineu de Lião X Protestantes

São Vicente de Lérins

Sobre a Ceia do Senhor

Sola Scriptura X Igreja

Sucessão Apostólica 2

Testemunho de Conversão

Tradição + Bíblia

Tudo que a Igreja de Jesus ensina está na bílbia

Vale Lembrar que:

Versículos Diversos


“Não há doente mais incurável do que aquele que não reconhece a sua doença.
Santo Agostinho”

Hoje é Sábado, 18 de Novembro de 2017